Ainda não há comentários

A nova consciência.

Texto bíblico: Atos 10: 1-48

Pedro está diante de uma visão nada apetitosa, pelo contrário que não agrada nem um pouco seus olhos, seu estômago, seus costumes e hábitos. Deus o incentiva a matar aqueles animais e come-los. A orientação de Deus é que não mais impuros ou imundos, mas agora são alimentos santos. Apesar da estranheza do pedido, Pedro decide obedecer a Deus. A intimidade com Ele o faz acatar o pedido. Quantas vezes Deus usa aquilo que é estranho para nossos padrões normais de vida ou até mesmo de “religião” e isso, na maioria das vezes, nos impede de ouvir Sua voz, porque é um mendigo que fala ou um homossexual ou alguém com menos instrução que você.

Deus não vive nos limites do mundo do homem ou da religião. Ele extrapola a consciência humana. Infelizmente, as pessoas insistem em buscar Deus através das estruturas. Quando Estevão declarou ao povo que Deus não estava na estrutura do templo ou na Lei de Moisés, os mesmos que ouviram foram os primeiros a jogar as pedras.

A religião judaica não pode conter Jesus dentro de suas estruturas, por mais complexas ou organizadas que sejam. É muito fácil e cômodo buscar um deus dentro de regras e padrões humanos. Contudo, é impossível encontra-lo no lugar onde Ele não está, ou seja, restrito ao nosso mundo.

Algumas vezes é difícil compreender a igreja da Graça. Nos tempos da Lei sua desobediência era punida com castigos, expulsões e dependendo da gravidade até com morte. Mas tudo isso são estruturas para adequar Deus ao nosso mundo, padrão e regras. Como entender um Deus que se revela, em oração, a um romano que não fazia parte do povo escolhido?

Pedro ainda raciocina entre:

Luz e trevas

Santo e profano

Permitido e proibido.

Deus vai até Pedro e diz que este tempo passou. De forma educada, ao chegar a casa de Cornélio Pedro diz que ali não é o seu lugar, porque se trata de uma casa de um “imundo” (verso 21). Há pessoas assim em muitas igrejas. Elas não se “misturam” com aquilo que não parece ser santo, segundo os seus próprios padrões e não os de Deus.

Porém Pedro não pode negar, tampouco impedir o cumprimento da usa pregação. O Espírito Santo deve ser derramado sobre estes também. Eles também devem ser batizados. A promessa é para todos. Não tem mais uma Lei e Deus não se submete mais as proibições desta.

Ler: Jeremias 24:7; Jeremias 31:31; Ezequiel 36:26 e 27.

I Coríntios 6:12 ( I Co.10:23) – Tudo é permitido mas nem tudo convém. Nesta hora, com certeza pessoas indagavam a Paulo onde estaria a Lei, qual sua aplicação? Mas o que Paulo responde é que a partir de agora você é governado de dentro para fora, pela Consciência. Isso sim edifica a sua vida. Não será uma pregação, a orientação do seu líder de célula ou a igreja que fará de você um crente verdadeiro. Não é a proibição que faz você parar com a prática do pecado. O governo e a lei agora são internos.

Paulo, no livro de Romanos diz que a Lei serve para uma única coisa: dizer que você não é capaz de cumpri-la. O tempo todo a Lei te dirá: você não é capaz. O evangelho não é uma nova Lei. Jesus não é religião. Aceitar Jesus não significa mudar de lei.

O que governa sua vida ao sair daqui? A lei? O líder de célula? O apóstolo? O Espírito Santo foi derramado sobre todos. Ele está em todo lugar com você. Outra pessoa não. A nova consciência te ensina a tomar a decisão correta.

A lei é frustração quando você não consegue obedece-la. A lei é culpa quando você não a cumpre. Jesus veio revogar a frustração e a culpa, porque por meio d’Ele a Graça de uma nova consciência opera em nós. A Graça te mostrará Jesus que não desiste de você mesmo quando você erra. A Graça arrebanha e traz de volta. A Lei condena e leva a morte.

Hoje você vai a Deus, através de Jesus, por meio da Graça. Mesmo caindo no caminho, a mão de Jesus se estende pra você e te ajuda a caminhar. Agarre-se na Graça e viva a vida influenciado por uma nova consciência, a de Cristo.

Deus abençoe a todos.

Apóstolo Anselmo Valadão

Publicar um comentário